sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Decisão da Corretora

Um problema que assola muito a mente de qualquer investidor em início de carreira é, sem dúvidas, que corretora escolher.

Assim, após a passagem dessa etapa em minha vida, explico abaixo o que ponderei para tomar minha decisão. Creio que isso não servirá de merda nenhuma pode ajudar quem está começando também.

Por ter um baixo patrimônio se comparado a investidores mais robustos, fatores como taxas de corretagem e afins fazem muita diferença pra mim, afinal, não adianta ter 1% de rendimento ao mês se 15 reais de taxa corroi esse ganho pela metade, não é verdade?

Assim, a partir do momento em que percebi que não era possível ter taxas interessantes para Renda Fixa e Renda Variável numa mesma corretora, optei por ter conta em duas corretoras distintas.

A Clear será minha corretora para Renda Variável por ter 0 taxa e a Easyinvest será minha corretora para renda fixa por, não apenas ter taxas bem mais baixas, mas por ter mais opções também.

Eu estava reticente quanto à Clear, contudo, ocorre que as reclamações na internet contra a empresa sao referentes a produtos que nao irei consumir, como DayTrade, por exemplo. Minha estratégia de renda variável diz respeito a confiar nos resultados das empresas via Fundos de Ações e não em especulação para ganho via DayTrade. A plataforma me pareceu amigável e, por ser vinculada à XP, me da uma confiança boa.


É isso aí, confrades! Força e Honra! Até uma próxima oportunidade!


Intendência!!!

Abraços!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário